segunda-feira, 30 de maio de 2011

Rapidinhas... {Parte 3}

O berço chegou!!! 
O 1º móvel que compramos para a montagem do quartinho do Davi. Comprei pela net na BJ Santos e  recomendo. Tudo certo, sem avaria no produto e dentro do prazo na entrega. Como nós tínhamos ficado na dúvida se compraríamos ou não pela internet, fui numa loja aqui em minha cidade pra ver o berço fisicamente falando, ver a madeira, acabamento e maiores detalhes para só então pedirmos o mesmo pela net. Compramos o modelo Top da Santos Andirá com uma diferença de R$ 100 a menos do que o berço aqui de Moc. Valeu d+!!!


***

Por falar em quartinho do Davi, estou trabalhando nele esta semana para finalizar logo. Passei massa corrida e falta pintar. No próximo sábado a gente compra a cômoda e encomenda a decoração. Como já disse antes, a decoração vai ser com o tema fazendinha e vamos mandar fazer as peças de madeira e nós mesmos pintaremos, explorando os dotes artísticos da esposa e fazendo nosso cofre sorrir com esta economia.
***

Como disse anteriormente, minha dificuldade na loja estava crescente e chegou a um limite crítico. Portanto, tomei a temida decisão de passar a loja adiante e procurar me estabilizar pra chegada do Davi. Estou correndo atrás. Não posso me deixar abater, pois a experiência agregada será muito útil futuramente. Como dizia o poeta: "Tudo vale a pena se alma não é pequena."
***

Meiryele está fazendo o curso de gestantes, oferecido por uma rede de farmácias aqui da cidade e tem sido muito promissor. São 4 encontros com palestras de médicos, enfermeiros, farmacêuticos e psicólogos, versando sobre os mais variados "assuntos gravídicos". Conta ainda com muitos sorteios com carrinho de bebê, 01 ano de fraldas grátis e vários brindes.

Uma ótima semana a todos!
Abraços Paternos!

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Dia de Consulta!

Meiryele ontem fez a 4ª consulta com a GO.
No dia anterior ela fez um exame de sangue a pedido da endocrinologista e neste exame foi constatada uma baixa no nível de hemoglobina, abaixo do índice esperado para grávidas. Diagnóstico: Anemia.

Inicialmente, antes de ver o exame Dra. Flávia falou que era super normal a hemoglobina estar abaixo do padrão {12 g/dL} durante a gestação. Ela disse que até 11 g/dL é normal na atual fase. Detalhe: o resultado deu 9. Muito abaixo, preocupante mesmo.

Consequências da anemia: pode refletir em fraquezas, dores nas pernas e até mesmo o desenvolvimento inadequado da placenta, o que pode prejudicar a nutrição do bebê em casos mais extremos e inclusive antecipar o parto. Eu li a respeito e vi que nessa fase da gestação de 20-21 semanas o bebê suga ao máximo o ferro da mãe. Por isso mesmo ele não é prejudicado em fases iniciais de anemia, e sim a mãe que sofre com a carência de ferro. As causas possíveis da anemia ou é a má alimentação ou a má absorção dos nutrientes. Em nosso caso, certamente esta associado a uma ingestão insuficiente de ferro. A partir de então, uma dieta balanceada vai ser seguida, sob orientação profissional de uma nutricionista, principalmente a base de feijão, couve, brócolis, carne vermelha e fígado. Além de manter uma alimentação combinada também com a redução do colesterol. Dra. Flávia também receitou um complexo vitamínico, 2 cápsulas ao dia para facilitar a normalização do quadro clínico.

Alimentos ricos em ferro

Vamos às boas notícias:
Graças a Deus que o desenvolvimento do Davi está normal e esta adequação que faremos na dieta, junto com o medicamento vai contribuir com o bem estar da mamãe e do Lindão do Papai. Os batimentos estavam em 140 bpm, a UF passou de 11 para 17 cm, demonstrando como a barriguinha cresceu. Pressão normal 11/6 e ganho de peso de 1,6 kg. Meiryele também recebeu orientações acerca do fortalecimento da auréola para não fissurar no momento da amamentação. Dicas importantíssimas para evitar dificuldades no aleitamento.

Ontem mesmo a esposa começou tomar a vitamina e dentro de 15 dias vamos repetir o exame para avaliar o nível da hemoglobina.

Estamos atentos!
Abraços Paternos!

quinta-feira, 26 de maio de 2011

Oração...

Pessoal, achei no pequeno guia prático para mães sem prática este vídeo incrível e gostaria de compartilhar com quem não viu. É incrível, contagiante do início ao fim.  Quem puder veja um pouquinho. Um grupo de jovens que se juntam e cantam numa conjunção de sentimentos que todos acalentamos. Oração! 
Vale a pena ver e ouvir. 


Abraços Paternos!

PS: Mariana, concordo com você, também achei que o vídeo terminava no quarto do bebê!

Fonte Vídeo: www.youtube.com

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Fotos incríveis!

Momento em que um espermatozóide chega ao óvulo para a fecundação

O embrião surge em poucos dias, mas ainda não parece humano

Logo o feto está pronto e flutua suavemente no interior do ventre materno

Terceiro mês de gestação

Entre o quinto e sexto mês de gestação, a silhueta está completa

O bebê já está completamente formado e já pode inclusive sonhar

Últimos instantes… o bebê está pronto para nascer!
Abraços Paternos!

Fonte: www.gestantes.net

terça-feira, 24 de maio de 2011

Você sabia???

Há segredos guardados a sete chaves pela indústria alimentícia que, uma vez revelados, podem pôr muitos consumidores para correr. A lista revela segredos da fabricação de alguns alimentos, como uma quantidade exagerada de gordura saturada em milk shakes e a presença de hormônios cancerígenos e produtos químicos que podem fazer você engordar, entre outras enganações. Vejam só a importante matéria que merece ser repercutida:

Milk shakes

A indústria não quer que você saiba a quantidade de ingredientes que é usada para dar a consistência dos deliciosos milk shakes de lanchonetes e redes fast-food. Alguns exigem mais de 50 ingredientes, o que aumenta muito o número de calorias {em média 600 cal} e a quantidade de gordura saturada ingerida. 

Leite com hormônio
O hormônio rbST, também conhecido como rBHG,  o hormônio transgênico de crescimento bovino, está ligado a casos de câncer, e é injetado em vacas para aumentar a produção de leite de 10% a 25%. O resultado é que os leites em caixinhas acabam apresentando, como resultado do hormônio, uma grande concentração Fator de Crescimento da Insulina – 1 {IGF-1}, que pode ter efeitos benéficos para a saúde, mas, em grande concentração, aumenta o risco de vários tipos de câncer, como o de mama, de próstata e o colorretal. Há estudos que desmentem essa relação, mas já existem nos Estados Unidos grandes redes de supermercado investindo no leite sem hormônios.

Refrigerantes ‘diet’
A indústria de refrigerantes diet não quer que você saiba que os adoçantes artificiais podem fazer você engordar. É aqui que entra o paradoxo: os refrigerantes podem ter mesmo zero de calorias, mas podem aumentar o seu apetite e levar ao superconsumo de alimentos. Uma das teorias que critica os refrigerantes zero é que, ao dar ao corpo uma injeção de açúcar sem calorias, ele reage buscando outras fontes de energia.


Água vitaminada
As águas enriquecidas com vitaminas ou minerais têm mais açúcar do que uma barrinha de chocolate. A indústria defende que os 32,5 gramas de açúcar presentes em cada garrafinha vão melhorar sua saúde porque esta quantidade é insignificante {não é!} e a enxurrada de vitaminas faz um bem enorme {isso ainda está em debate!}. Se a sua dieta já for remotamente próxima de algo saudável, esta quantidade de vitaminas já estará sendo ingerida.

Embalagens
A indústria da cerveja e dos refrigerantes não quer que você saiba que as latas de alumínio são envoltas num plástico tóxico, o Bisfenol A. Estudos mostram que o Bisfenol A causa desequilíbrios hormonais e estaria ligado a casos de câncer. Este perigoso elemento químico pode ser ainda encontrado em grande parte das mamadeiras de plástico {atenção mães!}, em recipientes plásticos para acondicionar alimentos na geladeira, copos infantis, materiais médicos e dentários, garrafas reutilizáveis como squeeze e garrafões de água mineral.


Sucos em caixa
Nunca acredite naqueles que se dizem 100% sucos, graças a uma falha no controle da FDA (Food and Drug Administration, agência americana que regula alimentos e remédios), que não é rígida com os rótulos desse tipo de produto. Aquela bebida que você imagina ser 100% laranja, manga ou goiaba pode não passar de uma mistura de um monte de sacarose com a cor da fruta que você sonhava consumir. 


Importante mesmo é prover-se de uma alimentação natural e saudável, evitando os excessos que tão mal fazem a saúde. Seja o excesso de gorduras ou de açucares, tanto para a gestante quanto para tantos outros, uma alimentação adequada é parte principal de uma vida mais harmônica com o seu corpo e sua mente.
Abraços Paternos!
Fonte: http://extra.globo.com
http://www.otaodoconsumo.com.br
Fonte Imagem: www.google.images.com

segunda-feira, 23 de maio de 2011

UAU!!! 50%

Lilypie Pregnancy tickers


E eis que chegamos à metade da gravidez. Parece que foi ontem que recebemos o positivo que mudaria nossas vidas para sempre.

De lá para cá, muita coisa aconteceu: 
  • Foram 5 consultas e uma tentativa de mudar de GO, logo no início da gestação, que para o nosso bem não aconteceu, pois atualmente estamos satisfeitos com a Dra. Flávia, primeira GO e a escolhida para nos acompanhar nesta período gravídico; 
  • 4 ultras nos quais vimos nosso filho com 0,5 cm; depois 5,7; e 23,6 cm; 
  • Descobrimos que o baby é um meninão e passamos longos 17 dias no dilema da escolha do nome;
  • Enfim dia 12/05/2011 decidimos chamá-lo DAVI! O amado;
  • Nos últimos ultras era possível ver as peripécias do Davi, "Lindão do Papai" fazendo arte;
  • A esposa sentiu a primeira mexidinha do Davi e um mês depois eu senti também;
  • A barriguinha demorou a dar o ar da graça, mas agora já tá bem vistosa;
  • Compramos o primeiro móvel para o quartinho, o berço;
  • Por falar em quarto, resolvemos que ao invés de pintar somente o quartinho, iríamos pintar a casa toda; domingo que vem eu termino;
  • Em tempo: decidimos pintar o quartinho de branco e uma parede verde;
  • Ganhamos alguns presentes: toalha, sapatinho, sabonete, shampoo, loção... e vamos ganhar 2 presentões: o carrinho e bebê conforto; Mãe e Tia Jak, Davi agradece demais;
  • Meiryele curtiu seu primeiro Dia das Mães e ganhou presentes do papai: um liquidificador {hehe} e um pingente de um meninão;
  • Melhoramos a alimentação aqui em casa, espero que na próxima consulta a perda de peso de Meiryele tenha cessado;
  • A gestação chegou até aqui sem maiores problemas, nada de enjôos, apenas um pouquinho de azia e uma cãimbra numa noite dessas;
  • O MMppv completa hoje 2 meses, e posso dizer que tem sido uma verdadeira fonte de troca de ideias e vivências, concretizando o objetivo desejado e superando expectativas;
Olha o desenvolvimento do bebê como está:
  • Agora o bebê já tem estabelecido padrões de dormir similar a um recém-nascido. Muitos bebês já têm uma posição preferida de dormir. Alguns tiram uma soneca com o seu queixo descansando sobre seu peito, enquanto outros tiram um cochilo com a sua cabeça para trás; 
  • A pele do bebê agora está se tornando mais complexa, formando várias camadas. A epiderme, ou a superfície da pele do bebê, possui quatro camas que contêm cadeias de alcance. As camadas que se formam nas palmas das mãos do seu bebê irão formar as suas impressões digitais definitivas;
  • Os pulmões e o sistema digestivo do bebê estão quase completando o seu desenvolvimento. Seu cérebro tem cerca de 30 milhões de neurônios e as suas habilidades de olfato, audição, visão, tato e paladar estão se desenvolvendo cada vez mais;
  • O bebê já está mais receptivo aos estímulos externos, isso significa que ele já pode ouvir as coisas que você fala, porém, como ele está imerso em líquido amniótico o som da sua voz fica um pouco distorcida para ele, mas mesmo assim ele pode ouvi-la. 
Enfim, a metade da gestação é um marco importante porque a partir daí, as coisas vão ficando cada vez mais evidentes, assim como o barrigão da mamãe. A fase da descoberta e dos medos se foi junto com 1º trimestre e estando mais ou menos na metade do 2º, já colocamos a maioria dos nossos muitos planos em prática. Estamos curtindo a gestação, as mexidinhas do Davi, e as emoções do dia a dia deste "universo gravídico".






Abraços Paternos!
Fonte: www.saude.fok.com
Fonte Imagem: www.lilypie.com

domingo, 22 de maio de 2011

20 Semanas! Metade da Gestação!

Vou postar amanhã sobre as 20 semanas de gestação completadas aqui em casa. Mas adianto este vídeo incrível do Baby Center que mostra o desenvolvimento do baby nesta fase.

Vejam só:

Abraços Paternos!

Fonte Vídeo: www.youtube.com
http://brasil.babycenter.com/

sábado, 21 de maio de 2011

Se a moda pega...


Curiosidades da blogsfera materna:
Hospital na Eslováquia usa musicoterapia em recém-nascidos que ficam longe das mães. Foto: AP


    Maternidade da Eslováquia põe recém-nascidos para ouvir música!

Hospital na Eslováquia usa musicoterapia em recém-nascidos que ficam longe das mães.


Se quem canta seus males espanta, que o digam os médicos de uma maternidade em Kosice, na Eslováquia. Eles implantaram a musicoterapia nos casos dos recém-nascidos que precisam ficar longe das mães por motivos de saúde. As crianças usam headphone maiores do que elas próprias. 

Abraços Paternos!

sexta-feira, 20 de maio de 2011

A obra inacabada!

Boa tarde blogsfera!
Estou acabado por conta da obra inacabada lá de casa. Mas, já estamos na metade da empreitada. Este final de semana termino de pintar o quarto casal e a sala, ficando para próxima semana em diante o quartinho do Davi. A área e a cozinha eu já havia finalizado no último fim de semana. A parte mais trabalhosa é acertar a alvenaria com massa corrida, as paredes são muito irregulares e dá o que fazer para alisar. Inicialmente, a gente iria mexer somente no quartinho do Davi, mas como a casa não via uma tinta há mais de 3 anos, eu acabei me empolgando e arriscando a pintá-la por inteiro.

O problema é que não disponho de tempo integral para realizar o serviço, daí que acabo por fazer aos poucos, nas folgas e finais de semana. Estou nessa desde o início do mês e com fé em Deus até o último fim de semana de maio concluo a obra. O fato é que está valendo a pena, as paredes com cara nova, sem aquele monte de  falhas que tinham antigamente, tão que de dá gosto de ver. O ponto negativo é a bagunça que a casa fica. Nossa, tudo fora do lugar. Tivemos que mudar de quarto para dar andamento à obra e foi aquela dificuldade. Mas, como diz o poeta: "Tudo vale a pena se a alma não é pequena".

Comecei a tirar algumas fotos lá, mas resolvi postar assim que terminar para mostrar o antes e o depois.

Para quem é doido e se aventura na empreitada de pintar a casa como eu fiz, algumas dicas são preciosas para o bom andamento do serviço. Primeiramente é montar um cronograma com todas as tarefas e datas previstas para cumprimento, fica mais fácil para organizar seu tempo e conseguir alcançar o objetivo desejado. Olha um pedacinho do meu cronograma:

O que fazer?                                                        Quando?              Quanto?             Onde?
Retirar excesso de buginganga................................24/04................................................Área
Decidir cor da pintura.............................................26/04.........................................................
Comprar material {tinta, lixa, massa, acessórios}....29/04....................R$ 181,40...........Ok Tintas
Lixar e descascar paredes......................................02/05................................................ Área
Aplicar massa corrida.............................................05/05................................................Área
Pintar.....................................................................15/05................................................Área

E por aí vai...

Veja algumas dicas nos links abaixo:
http://www.fazfacil.com.br/reforma_construcao/pintura.html
http://pinturaalves.wordpress.com/

Fonte Imagem: www.google.images.com

Abraços Paternos!

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Depoimentos {Parte 1}: Sonhos de uma vida!

A blogsfera materna é um espaço aberto para compartilharmos ideias e vivências como eu já disse aqui. É um importante instrumento para abordagem dos mais variados temas, principalmente no âmbito do "universo gravídico".

O MMppv abre este espaço para que outras mamães e papais dêem sua contribuição, seu depoimento pessoal acerca da gestação. Seus medos, sonhos e suas convicções lapidadas ao longo da vida. Um relato fiel e verdadeiro do caminho percorrido neste momento tão especial.

DEPOIMENTO DE ROSALBA VIEGAS, 61 ANOS, ESTUDANTE

SONHOS DE UMA VIDA

Sempre sonhei em ser mãe. Me imaginava cuidando, criando e educando meus filhos. Me casei na década de 60, em meio a ditadura militar, onde àquela época muitas mulheres ainda desempenhavam o papel básico de esposa: casa, comida e filhos {não se assustem, isto era muito comum na minha época}. O casamento veio e com ele as atribuições intrínsecas. Mas faltava o principal: os filhos. O curso natural da vida não me contemplava com filhos. E eu não conseguia entender e nem tampouco aceitar isso. Os recursos daquela época eram muito limitados, a cada mês que a gravidez não vinha, eu me dilacerava, frustrada diante da minha incapacidade de gerar vida. Eu via minhas vizinhas, amigas e irmãs já com três, quatro filhos {sim, naquele tempo os casais ainda tinham mais de dois filhos} e me preconceituava como infértil, como inapta para ser mãe. 

Por muitos anos convivi com esta dor. A compreensão velada do marido não bastava, eu sabia que no íntimo ele me condenava. Afinal, o casamento pedia, implorava por filhos. Tentei de tudo, ou melhor, quase tudo. Os médicos não conseguiam diagnosticar a real fonte da minha infertilidade, foram muitos os relatos científicos, muitos os profissionais consultados e poucas eram as expectativas de sucesso. Até que um dos médicos aventou a possibilidade do marido ser infértil. Era um tema delicado demais para ser tratado, tal qual ainda é atualmente, em lares muito machistas como o meu. Eu não trabalhava, não por falta de vontade ou por enaltecimento da profissão "do lar", eu não trabalhava porque o esposo não permitia. Ele dizia: "Não vejo a necessidade de você trabalhar, nunca lhe faltou nada." E infelizmente eu compactuava, ou melhor, consentia com tamanha arbitrariedade. Como acontece com inúmeras mulheres por aí afora. Tive vontade de estudar e acabei por amordaçar mais este sonho.

Eu não sabia como abordar a possibilidade do marido não ser capaz de produzir vida. Isto era diminuir a capacidade do indivíduo como homem. Era inaceitável para muitos. E no meu caso não fugiu a regra. Quando toquei no assunto, parece que toquei em chagas, tal qual a sua desmedida reação de pavor. Infelizmente ele não compreendeu em vida que negar a possibilidade da infertilidade masculina era negar a nós mesmos o direito de um dia sermos pais. Sinto que tudo teria sido diferente, caso se confirmasse o problema e juntos partíssemos em busca da solução.

Como disse anteriormente, em vida isto não foi possível. Meu marido veio a adoecer subitamente e em seu leito de morte me pediu perdão por todas as privações que vivi ao seu lado e a maior delas, o desejo de ser mãe. Em suas sussurradas e cansadas palavras, ele me confidenciou que assim que desconfiara de sua incapacidade, ainda que contra as suas convicções ultrapassadas, procurou ajuda sem que ninguém soubesse e inevitavelmente havia constatado a sua infertilidade. Confessou-me ainda que desejava adotar um filho, para que nossas vidas fossem plenamente preenchidas. Mas que o tempo não o contemplou com tamanha felicidade, e mesmo tendo vivido uma vida amorosa ao meu lado, ele partiria sem realizar o meu maior sonho.

Abracei-o carinhosamente e o perdi.

Compreendi naquele instante a sua culpa e consenti com o perdão. A partir dali, busquei realizar meus sonhos. Voltei a estudar, debruçando sobre o novo e aprendendo a viver novas etapas. Adotei dois filhos lindos, que hoje preenchem minha vida de amor, felicidade e um sentimento único de família. 

E todas as noites rezo pelo meu marido, meus filhos e agradeço a Deus pelo bem que tem me dado.

Rosalba Viegas



Abraços Paternos!

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Dicas {Parte 3} para uma gestação saudável: INCHAÇO



Continuando a série de dicas relacionadas à gestação saudável, o tema proposto é o inchaço, que tanto incomoda as mulheres.  O inchaço é um  problema normal da gravidez, mas você pode diminuí-lo. Nos períodos de calor intenso, as gestantes, especialmente as que estão no final do 2º trimestre, costumam reclamar que suas pernas estão mais pesadas, que aquela sandália agora aperta os pés e que aneis e pulseiras já não entram mais. Cerca de 75% das futuras mamães são acometidas pelo problema.

O inchaço, chamado pelos médicos de edema, atinge principalmente os membros inferiores. Isso acontece pela retenção de líquidos da gravidez e por causa do crescimento do útero, acompanhando o crescimento do bebê, que começa a comprimir os vasos localizados na região pélvica, prejudicando o retorno do sangue que está nas pernas. Segundo o GO Aléssio Calil Mathias, os dias quentes provocam uma dilatação maior dos vasos sanguíneos. “Com isso, o sangue passa a circular mais devagar, fazendo com que o corpo retenha mais líquido do que nos outros dias”, explica.

O excesso de líquido que estava no sangue, ao encontrar resistência no retorno ao coração, extravasa pela parede dos vasos, causando o inchaço dos pés e pernas. É o chamado edema gravitacional, quando a água se acumula conforme as leis da gravidade. Esse edema é normal na gravidez e a mamãe pode ficar despreocupada. 

Algumas atitudes podem ajudar na prevenção ou diminuição do inchaço: Controle da ingestão de sal, que é um dos fatores de retenção de líquido, atentando sempre para uma alimentação saudável; prática regular de exercícios físicos, como caminhadas ou hidroginástica, sob orientação médica; repouso com as pernas elevadas acima do nível do coração; uso de meias elásticas em casos especificados pelo médico.

Geralmente o inchaço aparece no fim do dia, especialmente se a mulher permaneceu muito tempo em pé ou sentada. A dica é elevar as pernas durante a noite. Coloque um travesseiro embaixo do colchão para as pernas ficarem levemente erguidas. Isso ajuda no retorno do sangue e o sistema circulatório funciona melhor.

Excesso de peso facilita o aparecimento do inchaço, assim como o tabagismo e alimentação inadequada. Esse trio prejudica o ser humano em todos os sentidos. Estar em forma, com o peso adequado e com saúde, tanto antes quanto durante a gestação, são formas de evitar o inchaço e outras complicações obstétricas.

A mamãe deve ficar atenta se o inchaço for intenso, principalmente se afetar mãos, braços e rosto, bem como se o ganho de peso for grande e quando houver formigamento nos braços, limitação de movimentos dos dedos das mãos e dor na região da nuca. Esses são sinais de problemas que merecem maior atenção, tais como pressão alta, problemas renais ou diabetes gestacional, que podem até ser perigosos para a mamãe e para o bebê. O médico deve ser consultado imediatamente.

Para finalizar, faça sempre um bom pré-natal, pois toda alteração pode ser percebida e corrigida a tempo de não prejudicar a saúde da mamãe e do bebê. Aproveite a gravidez sem inchaço!

Abraços Paternos!


Fonte: www.luciara.com
Fonte Imagem: www.google.images.com

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Dia de Ultra!

Foto Oficial do Davi

Hoje foi dia de ultra para avaliar a vitalidade fetal do Davi. Marcamos na clínica especializada, porque o ultra da Santa Casa continua deixando a desejar como disse aqui. Na clínica pagamos o dobro do preço que pagaríamos no hospital, mas valeu a pena. Este foi o 4º ultra e o Gravidômetro só vai crescendo. Mas este exame a gente fez de intrometido, porque nem precisava. A médica tinha solicitado só o morfológico pra 15/06 e como a gente achou que ia demorar muuuito, resolvemos fazer um este mês.
Mas vamos lá: saímos bastante contentes da clínica, Davi está ótimo, hoje ele tava um pouco preguiçoso, mas mesmo assim deu pra ver as peripécias dele lá na casinha. Como o "lindão do papai" cresceu! Não é a toa que volta e meia Meiryele sente ele mexer e eu também.

Vamos à biometria fetal:
Estatura do Davi: 23,6 cm
Coraçãozinho: 141 bpm.
Circunferência Abdominal: 15,2 cm. Davi tá meio gordinho, a medida da CA está um pouco fora do padrão para 19 semanas, porém isto é normal pois está dentro da margem de erro.
Circunferência Craniana: 16,2 cm. Em comparação com ultras anteriores a gente começa a notar um maior desenvolvimento do corpo, antes o cabeção era enorme para o tamanho do corpinho.
Comprimento do Fêmur e do Úmero: 2,7 cm cada. Exatamente dentro do valor referência para 19 semanas {2,3 a 3,6 para o fêmur e 2,4 a 3,2 cm para o úmero}.

A placenta e o líquido amniótico estão normais e neste exame foi constatado a morfologia do cordão umbilical. Confesso que estava preocupado com isto, nem comentei com a esposa, mas problemas no cordão são sempre delicados. Estão presentes as 2 artérias e a veia está normalmente inserida. Ufa! 

Assim o desenvolvimento do Davi encontra-se em ótima sintonia com a IG apresentada e só temos motivos para comemorar. Nestes poucos instantes que a gente fica vidrado na tela do ultra é impressionante como nos desligamos do mundo lá fora. É como se só existisse você, a esposa e o baby. São momentos pra se levar consigo ao longo da vida. Você se depara com um serzinho tão pequenino crescendo e se mostrando, batendo pé pra lá, mão pra cá, fazendo festa na casa da mãe dele. E aí, num relance a gente imagina que aquela semente ali foi plantada por nós e depende da gente para crescer e nascer. Isto prova que a natureza é sábia e sua arte encanta. Que venham muitos ultras! 

sábado, 14 de maio de 2011

E o nome dele é...



Depois de dias de indecisão acerca do nome do nosso meninão, batemos o martelo. 
E o grande escolhido, vencedor de uma disputa acirradíssima, como vocês podem ver, é DAVI! Lindão do papai!!! 

Estávamos no maior dilema entre Davi, Benício, Arthur e Benjamim. Todos são nomes bonitos, com significados idem. Como vocês acompanharam, passamos por fases de gostar muito de um, depois de outro, até que chegássemos a um nome de consenso. Quinta feira passada, na hora do almoço, no momento da cesta, eu e a esposa em mais um de nossos "diálogos maternais" resolvemos fechar em Davi. O nome carrega consigo uma história bacana acerca do rei de Israel e sua bondade. Ele era amado pelo povo. Daí o seu significado.

Davi {em hebraico, literalmente "querido", "amado"} foi o segundo monarca do reino de Israel, de acordo com a Bíblia. Foi retratado como um rei bondoso, bem como um guerreiro, músico e poeta talentoso.
David foi um rei popular e o homem mais vezes mencionado na Bíblia. Ele foi o oitavo e o mais novo filho de Jessé, um habitante de Belém. Na narrativa bíblica ele aparece inicialmente como tocador de harpa na corte de Saul e ganha notoriedade ao matar em combate o gigante guerreiro filisteu Golias, ganhando o direito de casar com a filha do rei Saul. Depois da morte de Saul, Davi governou a tribo de Judá e logo depois foi escolhido o rei de toda Israel e seu reinado marca uma mudança na realidade dos judeus: Davi conquistou Jerusalém e tornou-a o centro religioso dos israelitas, trazendo consigo a Arca Sagrada {seu mais sagrado objeto}. Expandiu os territórios sobre os quais governou e trouxe prosperidade a Israel. Ele é tradicionalmente visto como um dos autores do livro dos Salmos.
Estudos bíblicos relatam que Deus fez uma promessa a Davi, o rei de Israel, uma grande promessa (2 Samuel 7; 1 Crônicas 17).  Ele tinha decidido construir uma casa para Deus que substituísse a tenda que durante gerações tinha sido a morada de Deus na terra.  Mas Deus disse a Davi:  "Tu não edificarás casa para minha habitação . . . o Senhor te edificaria uma casa..." Os profetas de Deus explicaram mais detalhes sobre a promessa dele.  Isaías falou do caráter do rei vindouro e da natureza pacífica e justa de seu reinado.  Jeremias escreveu sobre sua integridade.  Ezequiel descreveu Davi como um pastor que apascentaria seu povo. Terminando o tempo de espera, Gabriel anunciou a Jesus:  "Este será grande e será chamado Filho do Altíssimo; Deus, o Senhor, lhe dará o trono de Davi, seu pai; ele reinará para sempre sobre a casa de Jacó, e o seu reinado não terá fim" (Lucas 1:32-33). Jesus Cristo, descendente de Davi, reina (Marcos 11:9-10; Lucas 1:68-71; Atos 2:25-36; 13:32-37; Romanos 1:3; 2 Timóteo 2:8; Apocalipse 3:7; 5:5; 22:16).  Em Cristo, o tabernáculo caído de Davi foi reconstruído (Atos 15:14-18).  Que privilégio maravilhoso compartilhar como cristãos do reino eterno do Filho de Davi, Jesus Cristo (Apocalipse 1:9).




Abraços Paternos!

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Pimba! Senti também! De novo...

Deu a louca no bloger!!! Sumiram com meu post de ontem... Como o assunto era por demais importante não pude deixar de repostar. Com as devidas atualizações e recomendações: 
_ Bloger: Não faça mais isso. É totalmente prejudicial a saúde e humor dos papais de 1ª viagem.

Repostando:

Não é que ontem, em meio as minhas pequisas na net {desta vez estou buscando dicas de pinturas}, encostei a mão sobre a barriga da esposa, esperei um minutinho e pimba: EU SENTI O BABY SE MEXER PELA PRIMEIRA VEZ. Foi incrível, eu e Meiryele falamos ao mesmo tempo, a sensação foi totalmente diferente, surpreendente. Parece que é uma prova que a natureza nos dá de que a vida que cresce lá na barriga, segue em amplo desenvolvimento; o coração batendo forte, os olhinhos abrindo e fechando, as perninhas e braços se exercitando... é a vida que pulsa e nos dá a ótima sensação de que tudo está bem.

Meiryele desde o mês passado que já sente as mexidinhas como já disse aqui. Mas eu ainda não tinha conseguido perceber. Até ontem! Agora, no meio da 18ª semana em diante, o bebê dá um estirão no crescimento e as mexidas tendem a ficar cada vez mais constantes.

Ontem ainda fiquei esperando com a mão na barriga da esposa pra sentir mais um chutinho, mas acho que ele tinha ido dormir junto com a mamãe. Mas hoje, pimba: consegui sentir novamente!!!

Agora eu vou ali por continuar com a mão na massa, literalmente, na minha "obra começada longe de estar acabada". Logo posto sobre isso com fotos do antes e depois.   



Abraços Paternos!  

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Gravidômetro {Parte 2, de muitas que virão...}

Boa tarde pessoal!

Falei aqui mês passado sobre o meu desejo de relatar todos os custos relacionados à maternidade, de forma que me permita, no futuro, saber o quanto realmente gastamos nesta fase.

Desde de 02/04/11 quando fiz meu primeiro levantamento, continuei a descrever cada dispêndio e em que exatamente ele foi aplicado. Fiz questão de deixar fora da análise os gastos com alimentação e os gastos cobertos pelo plano de saúde, justamente para facilitar a evolução da planilha. {Sou fã de planilhas}. Naquele dia o Gravidômetro apontava gastos na ordem R$ 314,00. Em pouco mais de um mês o valor é quase 4 vezes maior. Vejam só:

Descrição                                 Categoria                          Valor
Hidroginástica.............................Bem Estar.....................R$ 61,10
Conjunto Pagão..........................Roupas.........................R$ 38,40   
Ultrassonografia Obstétrica.........Exames.........................R$ 48,00
Consulta Extra............................Exames.........................R$ 40,00
Berço Top Santos Andirá...........Móveis........................R$ 306,52
Óleo Natura...............................Bem Estar......................R$ 55,00
Despesas Pintura........................Pintura...........................R$ 63,80
Variedades............................. ...Diversos........................R$ 31,44
Dispêndio Acumulado............ .......................................R$ 314,55

TOTAL....................................................................R$ 1.017,56                  

O valor ainda é razoável visto que estamos na 18ª semana, quase metade da gravidez. Mas tende a aumentar bastante porque comecei a reforma/pintura, que era pra ser mini e acabou se tornando gigante {matéria pra outro post}. E também já começamos a comprar os móveis, o primeiro foi o berço, que deve chegar em junho, mês em que compraremos a cômoda.

O gadjet do Gravidômetro é atualizado diariamente pra quem se interessar em acompanhar.

Abraços paternos!   

terça-feira, 10 de maio de 2011

Estreia no Recanto

Hoje é dia de postagem minha lá no Recanto!
Postagem oficial de estreia no espaço materno mais que reconhecido da blogsfera.
Confiram...

Plantar árvores, escrever livros e ter filhos!


Todo homem, ao longo da vida, deveria ter um filho.

Sim o homem, porque a mulher em si já nasce e cresce com este sentimento. É como se fosse uma predestinação a ser mãe. A maioria tem o desejo, ainda que adormecido, esperando o momento certo de tornar-se mãe! 

Qual de vocês não falavam com os namoradinhos sobre os nomes que dariam para os filhos?!! Faz parte do crescimento das meninas, faz parte da construção da mulher, este sentimento materno... {CONTINUA...}


domingo, 8 de maio de 2011

Mãe...

De onde vem o apoio necessário a cada momento difícil que perpassamos durante a nossa vida... 
De onde vem a força que te mantém de pé e por vezes até caminha por você... 
Quem é que está sempre ao seu lado, mesmo que você esteja errado. Somente pra que não sofra demais com as rasteiras da vida... 
Quem sorri sozinha quando você se mexe dentro da barriga, dando chutes e pontapés pra todo lado...
Quem não vê a hora de você chegar pra te cobrir de carinho e te ninar no aconchego dos braços...
Quem se transforma em leoa pra proteger a sua cria...
Quem tira de si o alimento para que você possa crescer forte e saudável...
Quem te acorda cedinho pra ir para a escola, deixa seu café pronto e sua merendeira arrumada e quando você sai diz: "Te amo!" E sem que você veja, vai embora com o coração apertado te deixando ali, descobrindo e inventando a infância... 
Quem olha sua roupa suja de terra e diz pra si mesma orgulhosa: "Este menino é demais..."
Quem assiste à peça infantil, no qual você é apenas uma árvore, e que mesmo assim, aplaude, sorri e chora de emoção... 
De quem você imagina que puxou o narizinho pontudo...
Quem te mostra o caminho quando você começa a se desviar...
Quem segura sua mão e te leva adiante a cada obstáculo que surge...
Quem não dorme antes de escutar os seus passos chegando em casa tarde da noite...
Quem se contenta com um simples telefonema pra dizer: "Oi!"...
Quem te diz: "Você é capaz!" mesmo sabendo que você não dará conta, mas que isto será fundamental para o seu aprendizado...
Quem te encoraja a ir à luta, mesmo quando você se sente o último dos homens...
Quem te sorri tão fácil, quando você ultrapassa o seu momento mais difícil...
Quem te abraça forte e suplanta sua fraqueza em instantes...
Quem te deu a vida... e passa a vida inteira tentando te dar tudo o que lhe falta...


 Só você Mãe!
Feliz Dia das Mães!

Marcelo Vieira

Fonte Imagem: www.google.images

quinta-feira, 5 de maio de 2011

"1, 2, 3, um passíto pra trás oh Maria..."

Ontem na aula de hidroginástica, como eu já disse aqui, entrei na hidro junto com a esposa, eu ri demais da minha performance. Digo isso porque, primeiramente é muito hilário ver aquele tanto de doninhas arfando de tanto se exercitarem debaixo d'água. A aula de ontem foi das mais engraçadas. A professora falava meu nome a cada 2 minutos: "Marcelo faz o exercício direito! Marcelo você hoje tá brincando muito!" Ela perguntava lá no alto do seu microfone o que Meiryele tinha feito pra mim que ontem eu estava tão espoleta. A esta altura eu já tava pra mergulhar e só levantar quando a aula acabasse de tanta vergonha. Ela chamava e todo mundo olhava pra mim.

Lá é assim: entrou a esposa, eu, a esposa do meu irmão, também grávida e minha sobrinha. Aí a gente fica num cantinho, minha esposa e minha cunhada {e eu também fico de butuca} conversam o tempo todinho, principalmente porque as duas estão grávidas e com a mesma IG, ou seja, o assunto nunca acaba; e a professora fica lá olhando e chamando a nossa atenção. A fama nossa lá é do grupinho da língua quente.

Agora ontem teve uma aula diferente, a instrutora estava inspirada. Imagina a gente dentro d'água dançando ao ritmo de Rick Martin: "1, 2, 3... um passíto pra trás oh maria..."; dos Mamonas Assassinas; do batidão sertanejo e por aí vai. A performance era digna de ser filmada e  compartilhada com vocês. Remexe pra lá e pra cá o tempo todo, chegamos em casa exaustos.

A hidro é um dos exercícios mais indicados para a gestante. O exercício é importante tanto para a mamãe quanto para o bebê, trabalhando mente e corpo de forma harmônica. 

A atividade inclui a parte de alongamento, aeróbica, que trabalhará todos os músculos do corpo, dando assim um maior condicionamento físico para a gestante, assim como o fortalecimento de músculos específicos, como os abdominais. Serão feitos também exercícios para dar um melhor equilíbrio à gestante, já que o peso está em demasia na parte frontal.

No trabalho emocional, são dados exercícios respiratórios que visam melhorar a parte circulatória, deixando a grávida mais relaxada, menos ansiosa, ajudando-a a melhorar a auto-estima e o auto-controle. O contato com a água é ao mesmo tempo estimulante e relaxante. A gestante que pratica a hidroginástica tem um sono mais profundo durante a noite. Com tudo isso, o bebê estará sendo favorecido e apresentará um desenvolvimento sadio dentro do útero.

Em geral, as gestantes estão liberadas para a hidroginástica após o terceiro mês de gestação, mas é importante ressaltar, que para iniciar essa modalidade, é preciso de uma autorização do obstetra. A  prática da hidroginástica poderá ser feita durante toda a gestação, salvo se a recomendação médica a impedir, como é o caso de gravidez de risco. Poderá também, após o resguardo, voltar a praticá-la, iniciando de modo suave e aumentando gradativamente os exercícios, para que volte rapidamente ao peso e forma que tinha antes da gravidez.  



Fonte: www.guiadobebe.uol.com.br
Fonte Imagem: www.revistamamaebebe.com.br

quarta-feira, 4 de maio de 2011

E o nome???

Pessoal, como tá difícil escolher o nome do nosso mm'baby!

Ihh, eu e Meiryele estamos confusos e indecisos. Já teve fase de gostar muuuuito de Arthur, depois desgostar. Já teve Davi, Benício no topo da lista e nada da gente bater o martelo. Por último surgiu um outro nome, que gostei e falei com a esposa: Benjamin. No início ela não gostou muito, achou antigo, nome de velho entre outras palavras. Daí que depois de muita insistência entrou pra lista tbm, mas nada daquele furor que fizesse com que a gente se empolgasse sabe... 

Ontem ela trouxe um livrinho sobre nomes de bebês pra gente olhar. Ela gostou superficialmente de alguns como Heitor, Noah e Vicenzo, mas não teve muita química não. 

A questão nem é mais um nome que a gente concorde, a gente tá concordando com um monte; mas um nome que a gente goste de verdade. O consenso existe, o que tá faltando por nossa parte é definição. Chegamos a uma pequena que se torna grande lista de 4 nomes: Davi, Arthur, Benício e Benjamin. Partimos para o significado:
Davi: o amado; Arthur: o nobre; Benício: o bem vindo; Benjamin: o filho da felicidade; 
Todos tem significados bonitos e isto só faz com que o dilema aumente.

Admiro pais que já tem o nome do baby definidos. Às vezes não tinham nem intenção de ter bebê, mas já sabem o nome. No nosso caso, como no ultra de 12 semanas a médica achou que era menina, paramos de pensar nas possibilidades de nome para meninO. No último ultra de 16 semanas é que veio a confirmação do ão..ão..ão

Fizemos até um sorteiozinho básico ontem, mas logo desistimos da ideia. Que coisa mais esquisita, nome do filho por sorteio. Foi hilário!!! 

E aqui estamos nessa situação, à espera de uma luz sobre um nome pra chamar de nosso!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...